Houve muito debate no uso da tribuna pelos vereadores na reunião ordinária do dia 26 de fevereiro

por Marilva Keesen Greco última modificação 12/03/2018 16h07
Toda semana, os vereadores usam a tribuna para tratar de assuntos de interesse da população e para cobrar e elogiar as ações do Executivo. Na reunião desta segunda-feira, 26 de fevereiro, os parlamentares falaram sobre a sujeira em diversos pontos da cidade, cobrança do projeto de lei que reajusta o salário dos servidores, reforma e vagas em creches, reforma dos postos de saúde, irregularidades no CEMEI do bairro Grão Pará, entre outros assuntos.

O Vereador Rodrigo Varela Franco leu resposta do deputado federal Eduardo Barbosa a requerimento de sua autoria, informando que o pedido de mais ambulâncias para Pará de Minas foi registrado para futuro atendimento. O vereador pontuou ainda que há muita sujeira em Pará de Minas. "Tem muito mato, por isso, peço  maior empenho da prefeitura para atender  as demandas de limpeza no maior número de bairros possível".  Rodrigo lembrou sobre o assuntos dos computadores recolhidos pelo governo do estado. "Esses equipamentos não pertenciam à UAITEC, infelizmente não foi possível reverter a situação, e os computadores foram recolhidos na última sexta-feira".

Vereador Rodrigode Torneiros relatou que fez visita à escola municipal de Meireles, parabenizando a diretora pelo belo trabalho que vem desenvolvendo. "Observei que é necessário a construição de um telhado que abrigue as crianças ao saírem das salas para irem merendar ou ao banheiro, e que a quadra, único local de lazer do povoado, não tem condições de ser utilizada para a prática de esportes. Enviei requerimento ao prefeito solicitando a reforma da quadra e aproveito para reforçar o pedido.  O vereador fez considerações sobre a necessidade de valorizar o servidor público municipal. "Ressalto o valor do trabalho e dos serviços que o funcionalismo público presta à população, sendo merecedores de reajuste salarial. Cobramos para que o chefe do Executivo envie à Câmara, o quanto antes, projeto de lei reajustando os salários dos servidores, considerando que a receita do município terá significativo aumento em virtude da arrecadeção do IPTU e de taxas. Espero que o prefeito valorize o servidor público". 

O Vereador Niltinho do São Cristóvão leu resposta da Secretaria Municipal de Educação a solicitação de sua autoria, informando que a secretaria está trabalhando para disponibilizar  link no site da prefeitura que permita o acompanhamento da distribuição de vagas nas creches de Pará de Minas. "Estou feliz com a resposta e continuarei fazendo cobranças". O vereador ressaltou também o resultado de seu pronunciamento na última reunião a respeito de sujeira pela cidade. "O Secretário Municipal de Obras afirmou, por meio da imprensa, que eu estava fazendo politicagem; porém fiz uma crítica construtiva, pensando no bem comum da população, todos estão vendo que as ruas estão sujas, as estradas rurais em condições ruins, que a população tire suas conclusões". 

O Vereador Carlinhos do Queijo leu ofício enviado pelo diretor de limpeza senhor Everardo Jeunon Diniz, informando sobre o trabalho realizado no município desde o início de janeiro, citando bairros que receberam limpeza e locais como o velório, as escadas de acesso ao monumento do Cristo Redentor, creches, etc."Destaco a competência do diretor, que tem se empenhado muito, porém a cidade  é grande e é necessário ter paciência. Parabenizo o diretor pelo trabalho e encerro meu pronunciamento, comunicando que a prefeitura licitaa o serviço de reforma dos postos de saúde dos bairros Walter Martins, São Cristóvão e Belvedere, bem como do prédio do Casmuc - Centro de Atenção à Saúde da Mulher e Criança". 

O Vereador Ênio Talma pontuou que acredita que o diretor de limpeza Everardo Jeunon Diniz. "O Everardo está fazendo um bom trabalho, ainda assim há problemas na limpeza da cidade, como presença de escorpiões e aranhas em lugares que não estão sendo limpos, surgem problemas sérios com doenças, sendo necessário que a cidade esteja limpa.  Destaco ainda que, os postos de saúde do município necessitam de receber atenção especial, pois há postos que não poderiam nem estar funcionando por estarem em condições precárias e outros que estão em condições de funcionar, mas necessitam de reparos também. Ttrata-se de lugar onde se lida com gente e que, portanto, precisa estar em boas condições". O vereador também fez considerações sobre a segurança em Pará de Minas, frisou que, no Brasil todo, está uma confusão quando o assunto é segurança, e que os problemas estão aumentando cada vez mais em Pará de Minas; disse que outro problema sério é a falta de vagas nas creches, sendo necessário aumentar a oferta de vagas, o que foi prometido pelo prefeito Elias Diniz e que deve ser cumprido. 

Vereador Márcio do São Cristóvão disse que apresentou requerimento ao Conselho Municipal de Trânsito solicitando sinalização adequada para a rua São José, ressaltando a necessidade da sinalização para que não aconteçam acidentes no local. 

Vereador Toninho Gladstone  registou que foi repassado para o Hospital Nossa Senhora da Conceição, por meio do deputado federal Eduardo Barbosa,  recurso no valor de R$180 mil. "Outro assunto que abordo é sobre minha participação na inauguração do  Centro Municipal de Educação Infantil Idalina Melo Cançado. O local tem capacidade para atender duzentos e oitenta crianças e isso representa mais vagas nas creches, o que pode amenizar esse problema. Essa obra é proveniente da gestão anterior, parabenizo tal gestão e também a Comissão de Obras da Câmara, que fez suas considerações para a inauguração do centro municipal de educação ficasse dentro das normas". O vereador ressaltou que, nesta data, expirou o prazo para que fossem enviados à Comissão de Educação, Cultura e Saúde da Câmara documentos solicitados para apuração de denúncias sobre o transporte escolar, não foi enviada resposta a ofício referente a licitação do transporte escolar enviado à chefia de gabinete do prefeito, ressaltando que os gerentes e os secretários que atenderam a Comissão os trataram muito bem, mas não dispunham dos documentos solicitados."A Comissão poderá adotar outras medidas, como acionar o Ministério Público, o que gostaríamos de evitar, por isso registro minha indignação com a situação". .

O Vereador Marcílio de Souza disse que a prefeitura precisa dar mais atenção aos requerimentos enviados pelos vereadores, citou o município mineiro de São Tomé das Letras, cujo prefeito foi cassado por ter deixado de responder a quinze requerimentos. "Nós vereadores não estamos fazendo politicagem, mas sim fiscalizando. Outro assunto que quero abordar é em relação à instauração de Comissão Parlamentar de Inquérito - CPI sobre as denúncias do ex-secretário municipal de Gestão Pública. Para se instaurarmos a CPI, é necessário apresentação de requerimento assinado por um terço dos vereadores, e segundo o presidente não houve nenhum requerimento nesse sentindo. O presidente Marcus Vinícius me afirmou que será levado ao Ministério Público o que foi apurado em relação às denúncias".  

Vereador Mário Justino  leu ofício recebido da Secretaria Municipal de Saúde em resposta a solicitação de sua autoria e do vereador José Salvador Moreira, informando que fiscais da vigilância sanitária estiveram no CMEI Raimundo Mendonça, no bairro Grão Pará, e constataram situações que oferecem riscos sanitários aos usuários, funcionários e frequentadores do local, e que já foi identificada a realização de licitação para reforma no centro, o que irá corrigir as irregularidades. 

Veja mais fotos aqui.

Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Pará de Minas